Colete 3D para o Tratamento de Escoliose

Colete 3D - Rigo Cheneau

O colete 3D (Rigo Cheneau) é um colete termoplástico projetado para tratar a escoliose de forma conservadora, levando em consideração que a escoliose é uma deformidade tridimensional.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 4% da população mundial sofre com a Escoliose Idiopática do Adolescente (EIA). Pouco conhecida, a doença acomete em maior número adolescentes do sexo feminino.

Confira mais sobre essa condição e tratamento neste artigo completo. Boa Leitura!

A Escoliose

A palavra escoliose é derivada do grego e significa curvatura.

Quando usado na literatura, significa curvatura lateral da coluna. A escoliose foi primeiramente descrita por Hipócrates que descreveu o mau prognóstico em relação ao seu aparecimento precoce, sem qualquer distinção quanto ao seu aspecto etiológico. O tratamento consistia em tração horizontal forçada com apoio.

Hoje, a escoliose é descrita como uma condição com influência genética comprovada, que pode aparecer em mais de um membro da mesma família, na mesma ou em diferentes gerações. Ao contrário do que muitos acreditam, não é causada por má postura ou por carregar peso nas costas.

Atualmente, existem três tipos de escoliose, são elas:

  • Escoliose Neuromuscular;
  • Escoliose Idiopática;
  • Escoliose Congênita.

Apesar de existirem muitas causas para a escoliose, a Escoliose Idiopática (sinônimo de sem causa), atinge cerca de 80% a 85% dos jovens, ou seja, a ciência ainda não descobriu a causa, apesar de um tratamento já estabelecido.

Coletes 3D para escoliose

Os coletes mais comuns indicados no Brasil são os coletes de Milwaukee e o de Boston. Entretanto, esses coletes possuem tecnologia de mais de 50 anos.

A tecnologia de hoje é uma grande aliada, muito mais avançada e apropriada para determinados tratamentos.

A recomendação é que pacientes com curvas entre 25 e 45 graus devem utilizar colete juntamente com a realização de exercícios específicos para escoliose.

Para você que não conhece muito sobre os tratamentos, existem três níveis de intervenção de acordo com a curvatura:

  • Fisioterapia (10° à 25°)
  • Coletes + FISIOTERAPIA (25° à 45°)
  • Avaliação com cirurgião (acima de 45°)
 

Essa recomendação do colete a ser utilizada deve ser rígida, que atue de forma tridimensional e ativa. O colete de Milwaukee e o colete de Boston não possuem essas características. A falta dessa característica pode custar caro.

Os dois maiores estudos que testaram os coletes de Milwaukee e Boston confirmaram sua ineficácia, sendo que muitos pacientes pioraram suas curvas e evoluíram para cirurgia (o que não queremos, certo?).

O único colete com evidência científica comprovada e disponível no Brasil é o colete 3D do tipo Rigo-Chêneau.

Agende sua consulta

Todos os profissionais do Instituto RV são especializados no tratamento de coluna.​

Colete Rigo-Cheneau

O colete 3D Rigo-Cheneau foi desenvolvido em 1960 na França e na Alemanha e atualmente é um dos mais aceitos e utilizados. 

Escoliose

Esse colete possui 3  características que são fundamental para a melhor performance desse colete em relação aos outros:

  • Correção tridimensional: ântero-posterior, látero-lateral e rotacional;
  • Rígidez: fabricado com material rígido para não ceder à carga;
  • Sob Medida: os pontos de pressão e alívio do colete estimulam o paciente a fazer a correção ativa de acordo com as características da curva escoliótica de cada paciente.

 

Além dos três principais pontos encontrados no colete 3D, sua adesão é bem maior, uma vez que pode ser facilmente escondido por roupas simples e pode ser retirado e colocado com muita mais facilidade, fornecendo independência para a criança e adolescente.

Segundo estudo de Ovadia, Eylon e Mashiah foi observado melhora de 25% da correção no ângulo, e estabilizou em cerca de 23% das curvas. A conclusão do estudo é que o Colete Ortopédico Rigo Cheneau não só interrompe a progressão, mas possivelmente melhora a curva.

Objetivos do Colete Rigo-Cheneau

– Criar o redesign da órtese que seja mais atraente para seus usuários;

– Facilitar o desenvolvimento físico e psicológico dos usuários com escoliose idiopática;

– Tornar menos traumático o uso da órtese pelos usuários;

– Aplicar princípios do design universal, Design Inclusivo e Ergonomia;

– Dar mais autonomia ao usuário.

Para a produção do colete 3D são considerados alguns pontos como: escaneamento 3D, análise do raio X, medições do corpo e apresentação do quadro clínico.

TRatamento escoliose e colete 3D

Quer saber mais sobre esse tratamento? Entre em contato com os nossos fisioterapeutas!
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Central de atendimento

Antes de iniciar o seu tratamento, iremos fazer uma avaliação clínica da sua coluna e nossos profissionais indicarão qual o melhor caminho a ser seguido.